sexta-feira, 23 de junho de 2017

Fragmento de "Vidas Secas" estreia e novo elenco da E.C.T se destaca.


Nessa semana o novo elenco da Eloy CIA Teatral apresentou um extrato cênico 
da nova montagem 2017 "Vidas Secas". Com o elenco totalmente 
reformulado, a direção da CIA teve a missão de  prosseguir com o 
projeto proposto pra 2017. Em menos de um mês, os novos 
integrantes da E.C.T montaram uma parte da peça teatral que 
se baseia na obra de Graciliano Ramos. Foram duas apresentações 
na semana, a primeira durante a SEMADEC (IFRN) Campus  
-Lajes (21-07) e a outra na Casa de Cultura Popular com a 
participação dos alunos do EEFOC. Contudo tivemos uma 
semana movimentada superando as expectativas. 
O fotografo Leandro Souza fez  alguns registros 
de nossa participação na SEMADEC.


O fotografo Leandro Souza fez alguns registros de nossa apresentação, deu pra perceber que a proposta cênica de poder reviver um clássico da literatura brasileira pode render uma forte poesia visual e lirica.


sexta-feira, 16 de junho de 2017

Fábio Fernandes e a proposta cenografica de Vidas Secas (Eloy CIA Teatral-2017)

Depois de alguns meses de produção, chegamos na conclusão da concepção cenográfica de nosso novo espetáculo. Confira o resultado ainda em construção.


 As cabeças de boneca remontam o imaginário lúdico-popular e expressa a taxa de mortalidade infantil do sertão precário nordestino em meados do seculo XX.

 O sincretismo religiosos é uma característica que não pode faltar no imaginário do sertanejo nordestino.
 O sol está baseado no quadro "Os Retirantes" de Cândido Portinari. Não podemos faltar com referencias importantes pra construção da arte do século XX.

A concepção cenográfica é oriunda de uma vasta pesquisa realizada pelo Prof. Fábio Fernandes que ousou mais uma vez reciclar elementos da CIA dando continuidade a proposta de re-significar os elementos da cena.

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Lendas de Pedra 2 e suas poéticas visuais.

Por Fábio Fernandes

O processo de gravação do meu novo trabalho enquanto diretor de cinema experimental é o filme "Lendas de Pedra 2" no qual a narrativa se centraliza em lendas relacionadas as serras existentes no município de Lajes no Rio Grande do Norte. Desta forma aproveitei a ocasião para explorar  elementos da cultura brasileira na direção de arte. Observe:
Na cena em destaque uma criança se questiona porque a vasão de tanta importância de haver mitos e lendas. essa linha narrativa permite explorar de forma artístico-pedagógica  as possibilidades de sobreposição cultural. Na cena em destaque, a cenografia revela o nordeste brasileiro distribuído num curto espaço métrico (o quarto); Esse espaço portanto já denuncia a bricolagem cultural, de um lado um chapéu de frevo pernambucano e sua policromia que sugere a alegria do carnaval, do outro lado o chapéu soa meio que Godot do Becket, mas sobretudo faz alusão ao homem do sertão nordestino; Ao lado se apresenta um quadro com o lirismo geográfico que reflete a flora e paisagem local, mais abaixo da cena uma televisão de imagem "preto e branco" dá um sutil tom de nostalgia e resistência ao futuro tecnológico e globalizado, por fim, a cama está vermelha, o sangue, a paixão e os martírios do homem do campo re-significa a vivencia sertaneja cotidiana.
 O que dizer então do indígena que é citado no filme? Uma grande oportunidade pra expressar a importância histórica que o índio proporcionou ao longo do processo de transformação cultural brasileira.  
Por ultimo, analiso a temática  principal do projeto (A morte).  A poesia contida no verde, esboça o sentido do "continuar a caminhar"...  Em destaque, o detalhe no verde brilhante de uma manhã de céu nublado, que sugere tempos de fartura para o homem do campo sofrido e calejado pela vida diária e geográfica.

quarta-feira, 3 de maio de 2017

Homenagem a Belchior - (Divina Comédia Humana)

Eis uma singela homenagem ao eterno ídolo da MPB Bechior. - Divina Comédia Humana.

Quando me transformei em Belchior

Por : Fábio Fernandes


Sabemos que mais um grande nome da MPB se vai desse plano terreno pra algum lugar da memória, isso é motivo de tristeza e ao mesmo tempo de reflexão sobre o ciclo da vida. No ano de 2012 no decorrer do curso de licenciatura em Teatro da UFRN na disciplina "Figurino e Maquiagem"  sob a coordenação do competente professor Sávio Araújo, me predispus a adentrar numa complexa pesquisa na construção do personagem "Belchiover", este que consistia num cover do cantor Belchior. Esses foram alguns registros do processo de transformação. 
Confira:




Os primeiros passos foram regrados a discussões sobre, e acerca da importância de criar o personagem. Muitas foram as divagações que circundavam o objeto de pesquisa.










 A construção do portfólio me desafiou a tentar usar a criatividade na elaboração mais próxima possível do personagem.



  


O memento do processo pelo qual utilizei a maquiagem,os adereços e o figurino selou o processo construtivo com uma dublagem no final da disciplina. Tanto esforço me rendeu nota máxima na matéria, porém o que mais levo de significante, foi o doar-se e aprender sempre com os desafios.

 






 Belchior vive!

sexta-feira, 21 de abril de 2017

Fábio Fernandes canta o tema de "Lendas de Pera 2"

Pois é, enveredei modestamente na área da musica e aos poucos fui compondo alguns temas pra peças e filmes que montava. Nessa nova proposta artística criei a trilha sonora do filme experimental Lendas de Pedra, destaque para a musica "As almas dos vaqueiros", uma vez que não queria correr o risco de sofrer possíveis  empecilhos  devido a direitos autorais. Desta vez lanço o tema do segundo filme chamado "Lendas de Pedra", a canção fala poeticamente do sertão e suas características e vislumbramentos.

CONFIRA: 

sexta-feira, 14 de abril de 2017

Tease de "Lendas de Pedra 2"


A Eloy CIA Teatral lança um "tease" de seu novo projeto de 2017. O filme "Lendas de Pedra 2". A proposta desse novo trabalho é enfatizar as lendas e mitos que relacionam as serras do interior lajense. 
Veja no vídeo em destaque: